Cuidar da sua saúde vaginal é uma parte importante da saúde e bem-estar geral da mulher. No entanto, talvez devido a tabus, ignorância ou outras causas, nem sempre é bem tratado. Muitas mulheres acham difícil consultar profissionais sobre medidas voltadas especificamente para a saúde vaginal.

A vagina requer cuidados, especialmente cuidados preventivos para prevenir doenças e problemas. E esses cuidados não tentam nada contra a privacidade das mulheres. A saúde vaginal não tem a ver com a modéstia, mas é um problema puramente de saúde.

O que você deve saber para cuidar da sua saúde vaginal?

No que envolve a intimidade e o cuidado feminino, essas dicas podem ser muito úteis:

1- Fale sobre a vagina

Realize consultas regulares com seu ginecologista, falando abertamente sobre sua saúde vaginal.

O primeiro passo importante é naturalizar o cuidado da vagina e da área íntima feminina. Você tem que se acostumar a falar sobre isso com o médico. A consulta deve ser feita com total naturalidade antes de qualquer anomalia ou mudança, mesmo que pareça mínima e sem importância.

2- Evolução

O funcionamento e as condições da vagina acompanham o ciclo de vida feminino em transformação . Isso é normal e natural, por isso não deve ser motivo de preocupação.

3- Idade para começar a tratar da saúde vaginal

Ao longo da vida de uma mulher, a saúde vaginal deve ser abordada. Não há idade para isso, por isso é importante que as mães conversem com as filhas sobre o cuidado. Desta forma, essa menina vai crescer sem tabus ou falsa modéstia

4- Higiene da vagina

 Mulher no banho: limpar a área íntima necessária para cuidar da sua saúde vaginal
Higiene na sua área íntima é indispensável, especialmente nos dias de menstruação.

Uma questão fundamental nos cuidados de saúde vaginal é a higiene. Não é necessário limpar o interior da vagina, pois ela possui mecanismos naturais de purificação.

É uma área com importante proliferação bacteriana, e essas bactérias favorecem a saúde. Se produtos químicos são usados ​​dentro da vagina, ela atacará a flora bacteriana .

Os lábios e as áreas próximas a eles na parte externa da vagina são aqueles que devem ser lavados com água morna Algum sabão neutro pode ser usado, mas não há produtos industriais ou químicos, assim como chuveiros fortes. A pressão da água pode fazê-lo chegar ao interior, e isso seria prejudicial

Você pode estar interessado: 7 dicas para o cuidado de sua área íntima

5- odores vaginais

Muitas mulheres se preocupam com a questão da cheiro na vagina e tentar melhorar a situação com desodorantes e perfumes íntimos. Como vimos, as substâncias químicas não são produtos aconselháveis ​​porque danificam o equilíbrio microbacteriológico natural.

Se for necessário perfumar a área vaginal, é aconselhável usar uma mistura de água com um pouco de óleo essencial natural e aplicar como um aerossol. É muito importante adotar bons hábitos de limpeza que impeçam a presença de maus odores.

No caso do odor tornar-se ácido ou muito forte, é necessário ir ao médico. Pode haver uma infecção vaginal, um problema frequente, mas fácil de resolver

6- Exercícios para cuidar da sua saúde vaginal

Com o passar do tempo, os músculos vaginais perdem a elasticidade. Estes músculos têm uma incidência nas relações sexuais e no momento do parto. Portanto, é necessário dedicar tempo à ginástica vaginal

Exercícios de Kegel são conhecidos, o que pode ser feito em qualquer lugar. Trata-se de contrair os músculos vaginais, mantendo-os apertados por alguns segundos e depois relaxá-los.

Ovos de jade, cones vaginais e bolas chinesas são acessórios úteis para exercícios, bem como uso de vibradores também contribui para a elasticidade muscular

Você pode estar interessado: Os melhores exercícios para tonificar a vagina e aumentar o prazer sexual

7- Lingerie

 Mulher em roupa
Uma roupa Interior respirável evitará umidade na área e problemas subseqüentes associados.

A sugestão é usar roupas de algodão e têxteis delicados e macios diariamente. Os laços, apesar de bonitos, são um pouco ásperos, por isso é bom reservá-los apenas para ocasiões especiais. No caso de outros tecidos, a área de contato com a vagina deve ser algodão. Esta precaução também é válida para roupas de banho.

8- O preservativo nas relações sexuais

Um cuidado fundamental da saúde vaginal é a proteção durante a relação sexual . Além de evitar gravidezes indesejadas, os preservativos impedem o contato do sêmen com a vagina. As diferenças de pH de ambos podem alterar o equilíbrio vaginal.

Se o preservativo não for possível, uma boa medida é urinar após as relações. A urina pode promover o controle de bactérias indesejáveis. Então, é claro, uma boa lavagem será feita.

Toda mulher deve considerar atenção para sua vagina no mesmo nível que a de qualquer outra parte de seu corpo. A saúde vaginal influencia a plenitude feminina

Comentarios

comentarios