Embora você possa ter visto que essa dor está frequentemente associada à doença da gota, você não deve se alarmar a princípio sem ter analisado um pouco o seu caso específico, porque podagra, o nome dado a esse desconforto, pode ser um sintoma derivado de várias causas. Quais são as causas da dor no dedão do pé do pé?

Para esclarecer suas dúvidas, explicaremos quais podem ser as causas de seu dedão doer e o que você pode fazer para cesse o desconforto para que você também possa recuperar sua qualidade de vida!

O problema é geralmente encontrado na articulação

Embora sejam pequenos, as articulações dos dedos dos pés suportam uma carga significativa de peso e, portanto, são muito importantes para o bom funcionamento dessas extremidades.

Por isso é tão importante cuidar bem dos pés e estar atento a qualquer pequeno desconforto, pois qualquer condição negativa que afete a articulação metatarsofalângica, pode causar dor e inchaço ao redor do dedão do pé que nos impede de andar normalmente, o que por sua vez irá desacelerar nosso ritmo de vida e causar Que cada pequeno movimento se torne um desafio.

Portanto, em caso de qualquer dor, devemos identificar a possível causa e devemos tentar tratá-la imediatamente.

As causas podem ser diversas

Embora a dor na articulação do dedão do pé possa ocorrer devido a muitos problemas comuns, como artrite, lesão ou o desenvolvimento de joanetes, muitas pessoas a associam à gota (que é ainda outro tipo de artrite) ou ácido úrico alto, ambos aparentemente preocupantes, mas também fáceis de resolver.

Se o problema for o último, a dor no dedão do pé causada pela cristalização de ácido úrico nas articulações é geralmente uma das primeiros sintomas e causa episódios severos de dor aguda e inchaço, especialmente ao caminhar e na área de descolamento, pois é onde os cristais e a inflamação são depositados. a ação intensa é a resposta imune do corpo.

Embora no caso da gota ela deva ser tratada rapidamente, pois essa inflamação pode literalmente corroer o osso e a cartilagem.

Mesmo assim, não precisa ser gota e também podemos estar enfrentando um caso de joanetes (o nome dado a esses caroços ósseos que se desenvolvem ao longo do lado interno da articulação metatarsofalangiana), de uma sesamoidite (uma inflamação em os ossos sesamóides e tendões circundantes como resultado do uso excessivo do dedo do pé) ou mesmo osteoartrite (causada pelo desgaste da cartilagem nas articulações) ou mesmo pode ser simplesmente uma lesão, o que é muito comum em atletas, especialmente se o chamado dedo de grama é sofrido: uma lesão esportiva comum que ocorre como resultado de pressão excessiva ou repetitiva em um dedo dobrado. [19659002] Tanto neste caso, como no caso da gota ou dos diferentes tipos de artrite, o que devemos fazer é consultar um profissional no menor tempo possível, pois embora já tenhamos explicado o que pode acontecer no caso da gota, se for uma lesão, o uso excessivo do pé após a lesão pode até causar uma fratura por estresse.

Não se preocupe, pois é possível tratar a dor e suas causas

Enquanto no caso de joanetes, o tratamento médico não permite corrigir a deformação, mas aliviar a pressão sobre o joanete e os dedos perto do dedão do pé, algo que já nos ajuda muito e que conseguiremos com o uso de calçados largos e adequados para caminhadas, com o consumo de antiinflamatórios e com a aplicação de cuidados locais.

A gota pode ser tratada com não esteróides antiinflamatórios (AINEs), com colchicina ou com corticosteróides, embora estes devam sempre passar pela aprovação e orientação de um profissional que possa administrar dependendo das soluções.

Em qualquer caso, tente cuidar da sua alimentação (algo que o ajudará a prevenir a gota) e se você é um atleta como se não fosse, cuide dos seus pés, tente massagear depois de dias em que já andou muito, tente corrigir seus vícios e postura ao caminhar e faça alongamento por flexão a planta do pé, dedos e até o tornozelo para que fiquem mais preparados para qualquer esforço excessivo e não se lesionem tão facilmente.

Agora você conhece alguns dos remédios que podem aliviar as dores que acontecem ao dedão do pé e que merecem a ser inspecionado no caso de se tratar de uma condição grave que deva ser tratada. É claro que devemos ir ao médico para tratar esse problema.

Comentarios

comentarios