A doença ocular da tireoide pode ocorrer em pacientes que já têm uma doença da tireoide ou, em outros casos, é o primeiro problema que leva à descoberta da doença. Os sintomas comuns são olhos secos, lacrimejantes, vermelhos e esbugalhados, "olhar fixo", visão dupla, dificuldade em fechar os olhos e problemas de visão. Os resultados da pesquisa mostram que existe um desequilíbrio ou um problema de reconhecimento no sistema imunológico, sendo uma doença auto-imune. As opções de tratamento para problemas que comprometem a visão na doença ocular da tireoide incluem corticosteroides ou outros antiinflamatórios, radiação e cirurgia. Em alguns casos, uma combinação desses tratamentos pode ser necessária para proteger a visão.

Como ocorre a doença ocular da tireoide?

A doença ocular da tireoide está relacionada ao sistema imunológico, em que ocorre um desequilíbrio de reconhecimento . O sistema imunológico é aquele que protege nosso corpo de invasores estranhos, como bactérias, vírus e células anormais, como o câncer.

Na doença ocular da tireoide, o sistema imunológico detecta uma reação anormal nos músculos do tecido adiposo em torno dos olhos. Embora a maioria dos pacientes com essa condição faça exames de sangue com resultados anormais para os níveis de hormônio da tireoide, algumas pessoas desenvolvem essa doença ocular, embora os níveis hormonais sejam normais.

Quando uma doença ocular desse tipo, o olho o médico certamente encaminhará o paciente para uma consulta com um endocrinologista para monitorar seus níveis hormonais. O médico pode aconselhar a ablação da glândula tireoide hiperativa ou tomar medicamentos para tireoide orais, quando for detectado que a glândula está hipoativa.

Mesmo que os níveis hormonais se normalizem, isso não garante que o paciente ainda desenvolve doença ocular da tireoide. No geral, cerca de um quarto das pessoas desenvolve esta doença ocular antes, durante ou após o diagnóstico de seu distúrbio da tireoide.

Sintomas e tratamentos oculares

Esta doença pode afetar muitos partes do olho e tecidos circundantes. As glândulas lacrimais podem causar olhos úmidos ou secos, e ambos os sintomas podem ocorrer no mesmo paciente em momentos diferentes. Nesses casos, a lubrificação com gotas ou pomada pode aliviar essa irritação.

A reação imune anormal causa inchaço nos tecidos das pálpebras e da órbita que pode fazer com que as pálpebras pareçam inchadas. Esse problema pode ser tratado cirurgicamente para que as pálpebras voltem ao seu formato normal.

Outros sintomas que podem ocorrer são que os músculos das pálpebras tendem a se contrair e puxar a pálpebra superior para cima e a inferior para baixo. Às vezes, o especialista recomendará cirurgia.

Comentarios

comentarios