É essencial cuidar da higiene dos alimentos para evitar a deterioração dos alimentos e possíveis envenenamentos. Cuidando bem da preservação e manuseio dos produtos, garantimos que eles não percam o sabor durante os processos.

Por outro lado, impedimos o crescimento de microrganismos patogênicos que podem causar doenças no trato digestivo O que você deve ter em mente? Nós detalhamos a seguir.

Como manter uma boa higiene alimentar: 6 hábitos

Limpeza

É essencial cuidar da limpeza dos produtos e utensílios a serem utilizados durante o manuseio. Portanto, deve lavar as mãos antes de entrar em contato com os alimentos.

Facas e talheres também devem ser bem limpos, e é preferível lavá-las em água quente para eliminar restos de comida e possíveis bactérias.

A higiene dos utensílios de cozinha é decisiva para manter a segurança dos alimentos.

Cozido

Outro fator importante quando se fala em higiene dos alimentos é o próprio cozimento. Altas temperaturas servem para melhorar o sabor das preparações e eliminar as bactérias e organismos patogênicos existentes nelas.

Conforme detalhado em uma publicação na revista médica Epidemiology and Infection o calor é usado na indústria para melhorar a preservação dos alimentos, e o próprio cozinheiro pode desempenhar perfeitamente essa função.

No entanto, é preciso ter cuidado para reaquecer os alimentos. Uma vez mais que o suficiente para o produto não perder a qualidade e impedir o crescimento de possíveis bactérias ou organismos que permaneceram adormecidos.

Outro ponto crítico é o cozimento de carnes.

Frango, peru ou carne vermelha picada devem ser cozidos perfeitamente e não ficar vermelhos no forno. interior. Dessa maneira, garantimos a perfeita segurança alimentar dos preparados a serem consumidos.

Descubra: 6 erros que você deve evitar se quiser manter sua comida em boas condições

Preservação a frio

Um ponto crítico na higiene dos alimentos é Conservação de alimentos Isso sempre deve ser feito a baixas temperaturas quando se trata de alimentos de risco microbiológico ou perecível.

O congelado ajuda a eliminar certos organismos patogênicos, como o peixe, 19459015 anisakis. De qualquer forma, o simples fato de manter os alimentos na geladeira melhora significativamente sua vida útil e reduz o risco.

É necessário levar em consideração que, ao descongelar os produtos, é aconselhável não deixá-los em temperatura ambiente. Dessa forma, a melhor maneira de realizar esse processo é na própria geladeira. Assim, é possível impedir o crescimento de organismos que permaneceram adormecidos nos alimentos e evitar envenenamentos.

 Conservação a frio
Existem certos alimentos com risco biológico; portanto, para preservação adequada, métodos como congelamento são recomendados.

Cuidado com molhos

Molhos são produtos que geralmente causam problemas no nível de higiene alimentar. A conservação deles geralmente é um processo delicado que nem sempre é feito corretamente. Você nunca deve deixar um molho à temperatura ambiente, muito menos se tiver um ingrediente como ovo ou tomate.

Eles geralmente são um terreno fértil ideal para o crescimento de bactérias que podem ser prejudiciais aos seres humanos. Portanto, é aconselhável mantê-los na geladeira a baixa temperatura e não consumir embarcações abertas além de três dias após a abertura.

Todo ano, ocorre intoxicação por salmonela ou botulismo devido a práticas incorretas de conservação de molhos.

Não misture alimentos

Nos processos de conservação, é muito importante manter os alimentos crus e cozidos separados . Caso contrário, as bactérias poderiam migrar e contaminar os preparados culinários, causando problemas.

É uma boa idéia introduzir alimentos em recipientes com tampa para evitar possíveis contaminações. Além disso, dessa forma, sua conservação será melhorada e a perda de paladar ou cheiro será evitada.

Não perca: Métodos industriais e métodos caseiros de preservação de alimentos

Cada prateleira da geladeira tem sua utilidade

Os refrigeradores geralmente têm prateleiras e gavetas diferentes para armazenar diferentes tipos de alimentos. A maneira de fazer a distribuição geralmente é representada por desenhos, ec corresponde à maneira de distribuir o frio por toda a cabine.

O respeito a essas indicações melhorará a preservação dos alimentos, pois nem todo mundo precisa ser armazenado sob as mesmas condições de umidade e temperatura.

As gavetas, por exemplo, costumam armazenar legumes e frutas ou comida fresca As primeiras prateleiras, no entanto, tendem a ser mais adequadas para produtos lácteos.

Com todas essas chaves, você garantirá uma higiene alimentar adequada que evitará possíveis envenenamentos devido à ingestão de alimentos em mau estado. Além disso, você melhorará a palatabilidade de seus produtos preservados.

Comentarios

comentarios