a hiperextensão do joelho é uma das lesões mais comuns entre os atletas. Principalmente aqueles que praticam disciplinas de alto impacto para as articulações inferiores, como tênis, basquete, futebol ou atletismo. É uma extensão extrema da patela para trás, produzindo muito estresse nessa região. Uma situação que pode levar a problemas musculares, rompimento dos ligamentos e até pequenos rompimentos nos ossos. Geralmente é causada por quedas repentinas, golpes violentos ou por frenagem "seca".

Também são episódios comuns entre aqueles que praticam balé clássico . De fato, muitos desses profissionais, quando recrutados pelas companhias de dança, são avaliados positivamente se são capazes de "hiperextender o joelho à vontade". Uma posição que alcançam graças ao fato de gozarem de um corpo com grande flexibilidade, mas que, em geral, é muito mais instável.

Sintomas

Aqueles que não praticam dança (ou mesmo aqueles que praticam, mas abusam da flexibilidade), mostrarão como um primeiro sinal dor persistente sobre a articulação afetada . Dependendo da extensão da lesão, o desconforto será mais intenso e será acompanhado por outros sintomas, como clicar ao esticar as pernas.

Perda de estabilidade e mobilidade são situações que já requerem atenção médica imediata . O mesmo se aparecer edema e inchaço, juntamente com uma sensação de calor na dobradiça que une a coxa aos gêmeos. Quando a condição atinge esses níveis, é normal que a pessoa não suporte mais seu peso corporal.

Diagnóstico e tratamento da hiperextensão do joelho

Após avaliar os sintomas primários, os traumatologistas solicitarão um exame de imagem para confirmar o diagnóstico . Mais importante, porém, para determinar a extensão do trauma. Nas crianças, esses acidentes podem terminar em pequenas quebras nos ossos, com desprendimento de pequenos pedaços. Nos adultos, uma das complicações recorrentes é um ligamento cruzado anterior rompido.

O tratamento varia em cada caso, dependendo do nível de envolvimento. Inicialmente, o descanso é solicitado . Atletas e dançarinos terão que suspender a prática de sua atividade imediatamente, e virão analgésicos e anti-inflamatórios.

O mais útil nesses casos será usar bandagem elástica e colocar compressas de gelo por 15 minutos na rótula, pelo menos cinco vezes a. O mesmo que levantar a perna acima do coração. Para isso, é aconselhável deitar na cama e colocar a rótula em um travesseiro.

Somente quando a hiperextensão do joelho é acompanhada de complicações muito graves, a cirurgia é solicitada. Caso contrário, as sessões com um fisioterapeuta, juntamente com tudo o que foi mencionado acima, ajudarão a superar esses momentos difíceis.

Comentarios

comentarios