A composição de certos alimentos os torna especialmente úteis para regular o sistema hormonal das mulheres e prevenir o desconforto associado à menstruação. Em geral, alimentos integrais naturais com propriedades antiinflamatórias e antioxidantes são recomendados, bem como alimentos com fitoestrogênios.

Lembre-se de que esses alimentos só são eficazes no âmbito de uma dieta equilibrada e um estilo de vida saudável, que inclui hábitos de exercício físico, repouso e equilíbrio emocional.

Alimentos antiinflamatórios contra dor pré-menstrual e menstual

  • Brócolis. Contém antioxidantes que apoiam a saúde hormonal e a depuração do fígado. Se não gostar, experimente o sabor dos rebentos
  • Afalfa. Os brotos fornecem cálcio, ferro e vitamina K, que promovem a coagulação e o transporte de cálcio para os ossos
  • Cúrcuma. É o antiinflamatório estrela da natureza. Pode ser muito eficaz para o desconforto pré-menstruação.
  • Ginger. É antiinflamatório e promove a circulação sanguínea adequada. Tome uma colher de sopa de gengibre ralado em infusão.
  • Mostarda. É rico em mirosinase, uma enzima que multiplica a absorção de compostos benéficos das próprias sementes e dos brócolis.
  • Cominho preto. É antiinflamatório e regula a imunidade. Você pode moê-lo e adicioná-lo aos pratos ou tomá-lo na forma de óleo.

Artigo relacionado

 Alimentos estrogênicos

A melhor dieta para cuidar da saúde hormonal das mulheres


Alimentos e plantas medicinais em cada fase do ciclo feminino

Do primeiro dia da menstruação até o dia 14

  • Durante a menstruação você deve evitar produtos inflamatórios que também representam um fardo para o fígado, como o álcool e caf chia porque contêm fitoestrogênios, vitaminas e minerais. Eles também ajudam a eliminar toxinas.
  • Após 4 ou 5 dias você pode aumentar a ingestão de alimentos ricos em carboidratos, como batata, trigo, arroz e outros cereais.
  • Após 10 dias, como quando o tempo de ovulação se aproxima, aumente a dose de fibra. Devido ao aumento do estrogênio, muitas mulheres sofrem mais constipação nesta fase.
  • Durante a ovulação, alimentos como chá verde, canela, alcaçuz, gengibre fresco, sementes de linho, brócolis cozido no vapor e outros repolhos.

Do dia 15 ao primeiro dia da próxima menstruação

  • Após a ovulação você pode ter um cuidado especial com a presença de alimentos protéicos em sua dieta (legumes, nozes e sementes). Durante a fase lútea (da ovulação à menstruação), os alimentos que produzem serotonina e são ricos em magnésio aumentam para combater a fadiga e a baixa libido, como folhas verdes, quinoa, amêndoas e cacau puro.
  • Plantas que ajudam você nesta fase encontram-se chasteberry, sage, dong quai e artwort, entre outros, são especialmente indicados desde a ovulação e durante a fase lútea até a menstruação.
  • Girassol e gergelim são sementes que ajudam após a ovulação e durante a fase lútea porque eles equilibram a produção e o metabolismo da progesterona.
  • Certifique-se de se manter bem hidratado, embora isso seja sempre importante. Você pode adicionar infusões, sucos, vitaminas e caldos à água potável.
  • A partir do dia 20 de seu ciclo, você pode incluir aveia no café da manhã e alimentos ricos em ferro, como legumes e vegetais de folhas verdes.

Marta León é autor do livro Feeding and Feminine Health.

<! –

->

Comentarios

comentarios