Valeriana (valeriana officinalis) se considera uma das ervas mais eficazes para promover o sono em certos casos de insônia. Descobrimos mais detalhes sobre o uso da valeriana para dormir, porque como erva para dormir é mais eficaz em alguns casos do que em outros.

A insônia é um dos distúrbios do sono mais comuns e é caracterizada pela dificuldade em adormecer ou permanecer dormindo. As causas desse transtorno podem ser diversas e medicamentos para insônia, além de terem efeitos colaterais, muitas vezes são viciantes. Por esse motivo, na maioria das vezes o uso de medicamentos para insônia permanece como última opção quando as medidas não farmacológicas não funcionam.

Entre essas medidas estão a padrões cognitivo-comportamentais, alguns dos quais nos são explicados pelo Dr. Pablo Saz em seu artigo 6 chaves para dormir melhor e prevenir a insônia. Mas também se sabe que terapias alternativas, como a fitoterapia, podem ajudá-lo a adormecer e descansar melhor.

Nesta área, a valeriana é, sem dúvida, uma das plantas tradicionalmente associadas aos distúrbios do sono. Mas Em que casos é mais eficaz e como podemos tirar partido das suas propriedades? Neste artigo explicamos como tomar valeriana para dormir e outras informações interessantes sobre a relação valeriana e insônia.

Artigo relacionado

Valeriana contra a insônia

Segundo dados divulgados pela Sociedade Espanhola de Neurologia, mais de 4 milhões de adultos espanhóis sofrem de insônia crônica. Distúrbio que preocupa quem o sofre devido ao sentimento de insatisfação e cansaço que afeta o desempenho físico e mental nas atividades diárias, e que pode levar a problemas graves como depressão, ansiedade, obesidade, diabetes a longo prazo.

Os limites e os efeitos indesejados dos tratamentos farmacológicos para este problema têm direcionado a atenção para remédios naturais alternativos. Dentre estas, as medidas de higiene do sono são consideradas as mais eficazes. Também valeriana tem sido objeto de vários ensaios para entender como ele age para promover o sono.

Propriedades e eficácia

Em primeiro lugar, deve-se lembrar que, quando se fala de valeriana, geralmente é feita referência à valeriana officinalis. Este último é as espécies usadas em suplementos de ervas apesar de existirem também outras espécies da mesma família, como o V. wallichiia V.fauriei Olá V. angustifoliaque são usados ​​para fins medicinais, respectivamente, na Índia, China e Japão.

É uma planta que tem sido usada como remédio natural para acalmar os nervos e adormecer desde os tempos antigos. De fato, antes do aparecimento dos primeiros ansiolíticos para promover o sono, nos Estados Unidos e na Europa já era comum recorrer à valeriana contra a insônia.

A raiz de valeriana é caracterizada por uma efeito sedativo e relaxante muscular de média intensidade e sem o efeito aditivo que as drogas têm.

Artigo relacionado

óleos essenciais dormir

Até hoje foram vários estudos e revisões científicas dos efeitos e ação deste remédio natural. Ainda não está claro quais são os princípios ativos exatos responsáveis ​​por sua ação global, mas é possível que seu efeito sobre o sistema nervoso central seja resultado da sinergia de seus compostos.

Apesar do potencial desta planta, tenha em mente que a insônia pode depender de muitos fatores: ansiedade, doenças, outros distúrbios relacionados ao sono, como síndrome das pernas inquietas, estresse, mudanças de hábitos que alteram nossos ritmos circadianos, alimentação pouco saudável, consumo excessivo de bebidas estimulantes…

Como consequência do exposto, antes de tomar qualquer remédio para dormir, o ideal é vá a um profissional de saúde para ajudá-lo a detectar a causa deste distúrbio do sono e fazer um diagnóstico correto.

Artigo relacionado

ioga-dormir-melhor

Quando tomar valeriana para dormir

A valeriana é uma planta que reduz a ansiedade e os nervos, por isso seria indicada quando a origem da insônia está relacionada a esses fatores.

Em particular, conforme declarado em uma revisão de estudos sobre os efeitos da valeriana para o sono, os benefícios da valeriana seriam devidos à sua “capacidade de diminuir a latência do sono de ondas lentas e aumentar sua porcentagem”. Ou seja, os princípios ativos presentes na raiz desta planta favorecem e melhoram a qualidade do sono quando o sono é afetado pelo estresse e ansiedade.

Embora sejam necessárias mais pesquisas de longo prazo para comprovar seus efeitos, existem muitos estudos que confirmaram os usos tradicionais da valeriana para insônia relacionada à ansiedade, como este estudo de 2021 publicado na revista Planta médica.

Tanto que esta e outras ervas são até adotadas em protocolos de insônia em alguns centros de internação psiquiátrica na Espanhaconforme consta na revisão dos estudos citados.

Artigo relacionado

Aromaterapia para dormir: rotina diária com óleos essenciais

Como você toma valeriana para dormir?

Se você já experimentou o infusão de valerianacertamente você vai se lembrar, já que a raiz de valeriana tem um odor muito característico, penetrante e desagradável.

Por esse motivo, é comum que as infusões de valeriana para insônia também incluam combinações com outras plantas que, além de potencializar o efeito sedativo e tranquilizante, ajudam a disfarçar o sabor da valeriana.

Mesmo assim, para muitas pessoas essas misturas também não são atrativas, daí o uso de pílulas para dormir valeriana.

Ao tomar suplementos nutricionais, siga as instruções do fabricante ou do terapeuta que fez a prescrição. As dosagem de valeriana para promover o sono é geralmente até 1-1,5g raiz seca em pó e tomada entre 1 ou 2 horas antes de dormire.

Quanto tempo a valeriana leva para funcionar?

O efeito sedativo e relaxante da valeriana é apreciado de uma hora depois da ingestão.

Por este motivo, recomenda-se evite dirigir ou trabalhar com máquinas perigosas até duas horas depois de tomar o medicamento.

Artigo relacionado

Cervical e insônia

Precauções e contra-indicações

O uso de valeriana é contraindicado na gravidez e lactação devido à falta de estudos sobre seus efeitos colaterais. Da mesma forma, é contraindicado em menores de 3 anos, e em crianças menores de 12 anos é recomendado apenas sob supervisão médica.

valeriana também pode alterar o efeito de alguns medicamentospelo que deve consultar o seu médico antes de começar a tomar infusões ou comprimidos que contenham valeriana.

Artigo relacionado

óleo cbd

Fontes consultadas:

  • Manual de Fitoterapia, de Encarna Castillo García e Isabel Martínez Solís, publicado pela Elsevier.
  • Medina Ortiz, O., Sánchez-Mora, N., Fraguas Herraez, D., & Arango López, C. (2008). Valeriana no tratamento a longo prazo da insônia. Revista Colombiana de Psiquiatria, 37(4), 614-626. Você pode vê-lo aqui em formato pdf.
  • Villar Del Fresno, ME, & Carter, E. (2001). Valeriana officinalis. Fitoquímica, Farmacologia e Terapêutica. Farmácia Profissional. Elsevier, 98-106.